CSR NOTÍCIAS

04/12/2018

Everton Tchê renova com Nacional até fim de novembro de 2020

Juan Reol - Mtb 41.452 / Assessor de Imprensa

O volante Everton Tchê (foto) renovou seu contrato com o Nacional Atlético Clube-SP por mais duas temporadas na segunda-feira (3), na sede do clube, na Barra Funda, em São Paulo (SP). O atual vínculo do atleta com carreira gerenciada pela CSR Sports se encerraria no dia 30 de novembro, mas foi prorrogado para o penúltimo mês de 2020. A permanência dele no clube é celebrada pelo departamento de futebol e pela comissão técnica como “excelente reforço” para o Campeonato Paulista A2 2019.

Ex-Ceará-CE, Goiás-GO, entre outros, Everton elogiou o planejamento do Nacional-SP nos últimos anos e comemorou a renovação do vínculo por mais duas temporadas. “Dentro do que o clube tem proposto e tudo que tem feito, que cresceu muito nestes últimos dois anos, e pelo projeto que eles têm, que bate também com meu projeto tanto pessoal quanto no conjunto, acho importante (a renovação). Neste ano a gente fez um trabalho bom no Paulista, não classificamos nos detalhes, mas espero que no próximo ano, com o projeto que está sendo montado, e que estou muito feliz em participar, que, juntamente com os companheiros, conquistemos os objetivos”, disse o volante.

Tchê chegou ao Naça para a disputa do Campeonato Paulista A3 2017 e não poderia ter melhor estreia, já que ajudou a equipe na conquista do título – o terceiro de sua história na divisão (1994, 2000 e 2017) – e também no acesso de volta ao Paulistão A2, fato que não acontecia há 11 anos. Na competição ele atuou em 19 partidas, anotando um gol.


Everton Tchê é um atleta muito querido pelo elenco, comissão técnica e diretoria
(Crédito das fotos: Ale Vianna / Divulgação Nacional)

Ainda no mesmo ano defendeu o Nacional-SP na Copa Paulista 2017, mas entrou em campo em apenas três oportunidades. Em 2018 jogou nove partidas no Campeonato Paulista A2, ajudando o Naça a terminar a competição na 5ª colocação, faltando apenas um ponto para que o clube seguisse para as semifinais e, assim, disputasse vaga no tão sonhado retorno à primeira divisão, algo que não acontece com a equipe do Nicolau Alayon desde 1959.

O segundo semestre de 2018 foi ruim para Everton Tchê, que lesionou o joelho e acabou perdendo toda a Copa Paulista. Ele se recuperou bem e conseguiu voltar a treinar normalmente com o restante do elenco na metade da pré-temporada 2019. “Na verdade tive três lesões em um período muito curto, no mesmo joelho. Foi muito complicado lidar com tudo isso no início. Atualmente estou trabalhando com firmeza, com dedicação, foi um per&iac ute;odo difícil porque achei que não poderia voltar ao nível que vinha atuando já há alguns anos e, para horna e glória de Jesus Cristo, estou voltando, e voltando bem e com confiança. Espero fazer um bom trabalho nesta próxima temporada”, explicou Everton Tchê.


Everton chegou no Nacional-SP em janeiro de 2017
(Crédito da foto: Ale Vianna / Divulgação Nacional)

Ele aproveitou para agradecer aos que o ajudaram neste período de preocupação. “Até queria aproveitar a oportunidade e agradecer a todo mundo, todos os profissionais que estiveram empenhados e se dedicaram para que eu pudesse estar aqui hoje. E também agradecer a Deus, que me deu graça e força nos momentos difíceis”, completou.

Visto como “dedicado e guerreiro” pelo departamento de futebol e pela comissão técnica, o volante tem total confiança para ser um dos principais nomes do time na disputa do Paulistão A2 do ano que vem, com estreia marcada para 20 de janeiro, em Santos (SP), contra a Portuguesa Santista-SP.

“Cheguei aqui vai fazer dois anos e nos dois Paulistas que tive oportunidade, em um fomos campeões e no outro fizemos um bom campeonato, sem conseguirmos classificar por detalhes. As expectativas são as melhores possíveis para que nesta próxima temporada a gente possa fazer uma excelente competição. Cada um cumprindo e entendendo seu propósito, que a gente possa cumprir nosso objetivo, porque acho que vai ser de grande valia para todo s”, finalizou Everton Tchê, dando destaque ao planejamento do Nacional-SP de subir de divisão em 2019.

O volante participou normalmente dos dois períodos de treino realizados na terça-feira (4). De manhã o técnico Wilson Júnior comandou treino técnico no campo localizado no Jardim Paulista, em São Paulo (SP), próximo a Guarulhos (SP). Já à tarde a atividade foi na sala de musculação do vestiário principal do Estádio Nicolau Alayon, na Barra Funda, também na Capital. Na quarta-feira (5), treino apenas à tarde.


Wilson Júnior comanda treino técnico aos jogadores
do Nacional-SP durante a Pré-Temporada 2019
(Crédito da foto: Ale Vianna / Divulgação Nacional)

Everton Claiton da Silva nasceu no dia 30 de março de 1992 em Teutônia (RS). Ele mede 1,86m de altura e pesa 82 quilos. Volante com marcação firme e bom posicionamento, além do passe certeiro, iniciou na categorias de base do Grêmio-RS (2009-2010) e depois no Internacional-RS (2010). Como profissional passou por Goiás-GO (2011), Vitória-BA (2011), Ceará-CE (2012-2013/2014/2015), Mirassol-SP (2013) e Atlético-PR (2014). No currículo possui os títulos do Campeonato Cearense 2012 (Ceará), Campeonato Cearense 2013 (Ceará), Copa do Nordeste 2015 (Ceará) e Campeonato Paulista A3 2017 (Nacional). Uma curiosidade, ele é primo do também atleta com carreira gerenciada pela CSR Sports, o meia Ivo, atualmente no Renan Jianye, da China.

Leia também:
02/01/2019 - Nacional se reapresenta após recesso de fim de ano
18/12/2018 - Sétima semana de preparação do Nacional com exame do coração e treinos táticos
11/12/2018 - Equipe realiza treino técnico no campo de futebol da Afresp na terça-feira (11)
10/12/2018 - Sexta semana da Pré-Temporada 2019 com atividades de segunda-feira a domingo
10/12/2018 - Wilson Júnior analisa pré-temporada e elogia primeiros reforços para 2019

 

CSR SPORTS © Todos os direitos reservados